Morando na Terra Média: 5 casas de Hobbits para alugar por temporada
maio 13, 2019
Paraty e Ilha Grande recebem título de Patrimônio Mundial da Unesco
julho 12, 2019

Quatro visões para o futuro da Notre-Dame

A pouco mais de um mês do trágico incêndio na Notre-Dame de Paris, a comunidade arquitetônica segue se perguntando o que foi que aconteceu naquele fatídico dia 15 de Abril de 2019. Mas a pergunta mais importante não encontra-se no tempo passado, e sim no futuro: e agora? Um impressionante quantidade de imagens tomou de assalto as redes sociais e a internet ao longo das últimas semanas, propostas que aproveitam a oportunidade para discutir o futuro de Notre-Dame de uma maneira mais ampla. Alguns imaginam a cobertura de Notre-Dame sendo transformada em uma fazenda urbana, outros em uma piscina pública ou um edifício garagem. As respostas são tão variadas quanto imprevisíveis.

Antes mesmo de baixar a fumaça da torre caída, o governo da França se comprometeu a reconstruí-la, lançando um concurso público de arquitetura para redesenhar o pináculo de Notre-Dame. A chamada publicada pelas autoridades francesas aponta para uma direção de mudança: “uma nova estrutura que considere às técnicas e desafios do nosso tempo”. Paralelamente ao comunicado oficial, a GoArchitects anunciou um concurso público não-oficial chamado de “The People’s Notre-Dame Cathedral Design Competition”, uma alternativa à um concurso que provavelmente considerará apenas as propostas enviadas pelos grandes escritórios de arquitetura do mundo, caso não seja um concurso fechado ou por convite.

Studio NAB

© Studio NAB
© Studio NAB

O Studio NAB propôs uma nova estrutura de vidro semelhante a uma estufa no lugar da antiga cobertura de madeira da Catedral. Descrito como uma catedral “verde para todos”, o projeto prevê a criação de uma estufa no telhado que “envolve a reintrodução da biodiversidade, educação e solidariedade”.

Vincent Callebaut Architectures

© Vincent Callebaut Architectures
© Vincent Callebaut Architectures

Vincent Callebaut Architectures desenvolveu um projeto transcendente, um novo símbolo para a Paris do futuro, resiliente e ecológico, inspirado pela biomimética e uma ética comum para uma relação simbiótica mais justa entre os seres humanos e a natureza.

Valentino Gareri

© Valentino Gareri
© Valentino Gareri

O projeto utópico de Gareri prevê a construção de uma série de novas cúpulas de vidro sobre a nave da catedral, estruturas geodésicas que abrigam diferentes programas e espaços funcionais. Segundo o arquiteto italiano, Notre-Dame seria transformada em um parque elevado e intempestivo, oferecendo vistas panorâmicas para a cidade de Paris e um novo museu que hospedaria as relíquias da antiga igreja além de espaços para exposição de obras de arte e um auditório.

Cent Alantar

© Cent Alantar
© Cent Alantar

Com sua proposta aparentemente simples, Cent Alantar (veiculada via facebook) pretende reconstruir o pináculo perdido, porém, sobre uma nova estrutura de vidro que permitiria ver a torre desde o interior da Catedral. O seu projeto de restauração da Notre-Dame procuraria respeitar o caráter original do edifício e “revelar os valores estéticos e históricos do monumento.”

Fonte: ArchDaily